É nesse evangelho que eu acredito

É nesse evangelho que eu acredito

Eu acredito na virtude das pessoas!

É nesse evangelho que eu acredito

Existem muitas pessoas fieis ao mundo carnal, como em linguagem grosseira, em roupas e maneira desleixadas, em comportamentos imorais que zombam da beleza da virtude e sempre deixam uma cicatriz. Cada um de nós pode e deve estar acima deste mal sórdido e destrutivo, retirando a imoralidade das nossas vidas.

Eu acredito no trabalho!

O trabalho é o processo pelo qual os sonhos se tornam realidades. O trabalho com mãos habilidosas e mentes instruídas traz crescimento e prosperidade para todos e para a nação em que vivemos. “No suor do teu rosto comerás o teu pão, até que te tornes à terra; porque dela foste tomado; porquanto és pó e em pó te tornarás.” (Gênesis 3:19).

Eu acredito na honestidade!

Muitos fazem pequenas desonestidades como roubo de funcionário contra empresas, trazendo prejuízo para a empresa que perde um pouco do dinheiro, mas a pessoa também perde o respeito próprio. “ Por mais que você batalhe e vença com esforço, se você não conseguiu com honestidade você não conseguiu nada.” Amo a honestidade das pessoas, não a considero uma virtude, mas sim, um compromisso.

Eu não acredito em um “EVANGELHO” que:

1) deixa de fala da esperança na vida eterna. Muitos fazer deste mundo o “paraíso”, somos o difusor dos valores do Reino de Deus neste mundo, que são: verdade, a justiça, a paz, a fraternidade, o perdão, a liberdade, a alegria e a dignidade da pessoa humana;

2) diz o que Deus TEM que fazer ou deixar de fazer, já que o “seja feita a Sua vontade” perde toda a significação, passando a ser Deus um mero despachante de nossos caprichos, afina somos filhos e não pai, desta forma obedecemos e não damos as ordens;

9) prega apenas em passagens do Antigo Testamento, para impor legalismo, medo e sacrifício nos fiéis (entenda-se como sacrifício, dar dinheiro), esquecendo que vivemos no período da Graça que veio ao mundo com a vinda de Jesus;

10) não se fala mais de pecado, de arrependimento, de tomar a sua cruz, já que esse assunto se tornou “fora de moda” para o mundo atual. Se um crente, nascido de novo, pecar novamente, ele deve se arrepender, pedindo perdão a Deus, orando de coração quebrantado.

Todavia, visto que não tem raiz em si mesmo, permanece por pouco tempo. Quando surge alguma tribulação ou perseguição por causa da palavra, logo a abandona. (Mateus 13:21)

E Jesus, respondendo, disse-lhes: Não necessitam de médico os que estão sãos, mas, sim, os que estão enfermos;
Eu não vim chamar os justos, mas, sim, os pecadores, ao arrependimento. (Lucas 5:31,32)

E disse-lhes Pedro: Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo, para perdão dos pecados; e recebereis o dom do Espírito Santo; (Atos 2:38)

E dizendo: Arrependei-vos, porque é chegado o reino dos céus.(Mateus 3:2)

Veja mais ?Clique AQUI

Se este artigo foi útil para você, por favor nos ajude na divulgação do mesmo para que mais pessoas conheçam o nosso trabalho. Se gostou, por favor, compartilhe nas redes sócias, contribuindo assim para o fortalecimento deste projeto

0 comments on “É nesse evangelho que eu acreditoAdd yours →

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: